Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sopa De letras

Vinha á procura de sopa? Aqui há , mas só de letras! Letras atiradas ao acaso saídas de uma Caixinha de Pandora.

Vinha á procura de sopa? Aqui há , mas só de letras! Letras atiradas ao acaso saídas de uma Caixinha de Pandora.

VIVA A EDUCAÇÃO!!!!!

 pfrsalach.jpg

Imagem retirada da Internet

 

 Um post onde escrevi: "Viva a Seleção" trouxe mais de quinhentas visitas ao meu blog, infelizmente tenho a certeza que um post onde digo: "Viva a Educação" não trará nem um centésimo desses visitantes.

Os pais ontem reclamavam na escola onde trabalho e com a sua razão. Estão descontentes porque vamos a 3 de julho e a maioria ainda não sabe as notas dos filhos.  Eu também não. Também sou mãe e as da minha filha que está ansiosa por as saber, também ainda não as sei, nem ela as sabe.   E acreditem, não sei mesmo, a não ser o que fui acompanhando ao longo do ano como mãe.

 Mas gostava de saber porque não reclamam das escolas sem condições para os filhos se abrigarem quando chove?  Porque é que não reclamam das salas sobrelotadas onde o que interessa é preencher o metro quadrado? Lembro-me de um ano em que tive de pedir mobília extra para a minha Direção de Turma, porque senão os alunos ficavam de pé, fartei-me de reclamar e pedi aos pais da Turma que me ajudassem a reclamar e não houve um único que o fizesse!!!  Porque não reclamam  da ditadura de cumprimento de programa em vez de uma reestruturação em que interesse  a qualidade dos que os alunos aprendem e não a quantidade.

E é interessante que quando se trata de professores não tenham problemas em pedir um livro de reclamações, mas a última vez que num centro de saúde uma fila de cerca de vinte pessoas reclamava, nenhuma, exceto eu, se deu ao trabalho de pedir o livro de reclamações???

Gostavam que apagassem 9 Anos, 4 Meses e 2 Dias da vossa vida, da vossa carreira profissional?

 

A educação precisa de sangue novo, professores jovens a par dos professores com experiência, o que enriquece todos, incluindo os alunos.  Porém o corpo docente das escolas está cada vez mais envelhecido e “atabalhoado” de relatórios inúteis cujo único objetivo é tapar o sol com a peneira. E o Ministério ainda quer reduzir o número de professores por turmas.

Mas o que se passa aqui é mais que luta por recuperar o tempo de serviço e os devidos ónus financeiros a eles associados.  Trata-se também de uma luta por Educação de qualidade, onde os alunos tenham condições de aprender e os professores de ensinar.

Lutamos por uma Educação de qualidade!

  Por isso agradeço aos 25 artistas que  em 2013 compreenderam esta mensagem e lançaram um manifesto de apoio à greve dos professores onde entre outras mensagens pertinentes podíamos  ler "Querem encaixotar os alunos em turmas cada vez maiores com docentes cada vez mais desmotivados. Cortam nas disciplinas de formação cívica e do ensino artístico e tecnológico, negando aos jovens todos os horizontes possíveis". E terminam com um obrigado aos professores!

  Pelo que como professora agradeço aos artistas que assinaram o manifesto tenho a certeza que entendem a  importãncia da Educação:

António Pinho Vargas, Bruno Cabral, Camilo Azevedo, Carlos Mendes, David Bonneville, Eurico Carrapatoso, Hélia Correia, Jacinto Lucas Pires, Joana Manuel, João Salaviza, José Luís Peixoto, José Mário Branco, José Vítor Malheiros, Leonel Moura, Luís Varatojo, Luísa Ortigoso, Marta Lança, Messias, Nuno Artur Silva, Pedro Pinho, Rui Vieira Nery, Raquel Freire, Sérgio Godinho, Valter Vinagre e Zé Pedro.

 

Porque relembro passado? Porque dele devemos retirar lições|||

 

Quem é a cozinheira?

Calendário

Outubro 2018

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031

Espreitar no caldeirão.

 

A sair do Caldeirão

Sopas Favoritas

subscrever feeds

Blogs de Portugal

A provar a sopa

Comeram Sopa de Letras

contador de visitantes

Gostos