Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sopa De letras

Vinha à procura de sopa? Aqui há , mas só de letras! Letras atiradas ao acaso saídas de uma Caixinha de Pandora.

Vinha à procura de sopa? Aqui há , mas só de letras! Letras atiradas ao acaso saídas de uma Caixinha de Pandora.

Amputem-lhe o dedo!!!!!

Um texto de um amigo para refletirmos

 
 
 
 
Ver esta publicação no Instagram
 
 
 
 
 
 
 
 
 

Bem-vindo, puto! 😘 . #bebe #recemnascido #amor #boaenergia #vaicorrerbem #vaiserfeliz #behappy #boasorte #bemvindo #saude #vidasalva #missaocumprida

Uma publicação partilhada por INEM (@inem_instagram) a

Esta foto publicada pelo Instagram do INEM que salvaram um bebé de um caixote do lixo, relembrou-me um magnifico texto publicado pelo meu amigo Beto Muniz no seu Facebook. O texto é publicado com a sua devida autorização. A realidade que ele reflete no texto é a do Brasil seu país natal, mas adapta-se perfeitamente à realidade exposta. Leiam até ao fim com calma para entenderem. Mas acreditem vale a pena ler e refletir. Como diria um amigo meu para ler até á última gota

“Serra Talhada, sertão do Pernambuco. Novembro de 2018. Mulher tranca dois filhos em casa e vai para o bar, beber. A polícia foi acionada por vizinhos, no endereço informado os policiais já encontraram o conselho tutelar lidando com as crianças, uma de quatro anos e outro com apenas dez meses de idade. A mãe embriagada foi presa em flagrante. Abandono de incapaz. Eu só acho que amputar o dedo dessa mãe seria uma boa punição. Em Curitiba circula o vídeo da mulher acelerando o carro deixando criança de cinco anos em via pública. É uma tristeza monstruosa a cena da criança correndo atrás do veículo como fazem os cães abandonados durante mudança. Polícia investiga o caso. Amputação do dedo cairia bem nesta mãe também. Em Serra, Espírito Santo, o perigo foi maior. Mãe abandonou o filho de três anos na rodovia BR-101. Um motorista que viu toda a cena correu, acolheu a criança e evitou a tragédia. Horas depois as autoridades prenderam a mulher que estava em surto. Foi identificada, permanece em tratamento e os avós da criança que moram na Bahia devem cuidar do pequeno. Aparentemente o dedo dessa mulher também merece amputação sumária. Em Fernandópolis, interior paulista, a mulher decidiu viajar por quatro dias, até aqui tudo bem, todos nós temos garantidos por lei o direito de ir e vir, porém a filha de seis anos ficou em casa com alguns pães, bolo e água. Ao final do terceiro dia vizinho incomodados com o choro chamaram autoridades que tomaram as devidas providências. Espero de coração que essa mulher tenha o dedo amputado. Em Uberaba, bem pertinho do meu chão, o medo de perder o emprego fez a mãe abandonar o filho na lixeira. Ela iniciou o trabalho de parto no banheiro da empresa, sem que ninguém percebesse, pediu para ir para casa, terminou o parto, enrolou o recém-nascido num cobertor, enfiou na sacola e levou até a lixeira. No dia seguinte foi trabalhar normalmente. Após encontrarem a bebê abandonada e cuidarem dela adequadamente, as investigações identificaram a mãe, medicaram-na também e permanece internada no hospital, assim que receber alta será presa. Eu creio que deveriam amputar o dedo dessa mulher. Durante as festas juninas de 2018 aqui em São Paulo uma criança de quatro anos morreu após anos e anos de maus tratos, abandono, desnutrição física e emocional. Foram longos 1.500 dias de existência, impossível eu não chorar ao saber o nome dessa criança; Bárbara. Literalmente barbarizada no batismo e na vida pela própria mãe, que agora está presa. Apoio incondicional a amputação do dedo dessa mulher. Tenho especial sentimento de impotência diante destes e inúmeros outros casos de abandono, maus tratos ou morte de crianças por ação direta ou indireta das respectivas mães. Em pouquíssimos casos o pai se torna cúmplice pelo abandono, pelos maus tratos ou morte da criança. É fácil constatar nos casos acima (e inúmeros outros) que a parcela de culpa paterna fica em aberto, a omissão do macho esquecida, criando a falsa impressão que essas mulheres fizeram filhos usando o dedo! É onde a amputação se torna bastante razoável, se me faço entender. “

Texto original de Beto Muniz

Foto.Instagram do INEM

Quem é a cozinheira?

Calendário

Novembro 2019

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930

Espreitar no caldeirão.

 

subscrever feeds

Blogs de Portugal

A provar a sopa

Comeram Sopa de Letras

contador de visitantes

Gostos